segunda-feira, outubro 02, 2006

Fotos em Conserva

FOTOS EM CONSERVA
São fotografias acondicionadas dentro de vidros de diferentes formatos e tamanhos. Embalagens que continham comidas, bebidas, perfumes e remédios e que se transformam a partir da introdução de fotografias em seu interior. O trabalho se desenvolve sistematicamente a partir do ano de 2000 e de minha viagem a NY. O impulso inicial foi meu impacto com o consumo excessivo de comidas industrializadas na alimentação americana. Nada de novo, mas vivenciar esta situação no dia a dia recoloca em xeque o sistema alimentar “fast food”.
A excessiva artificialidade, a aparência e a contenção são palavras presentes em meus trabalhos anteriores e são encontradas aqui neste consumo de embalagens lindas com comidas horríveis, nos alimentos “masters” e nos escassos bons nutrientes que estes contém, nas comidas rápidas e gordurosas num país gordurofóbico que propõe dietas em massa e se afasta delas em suas práticas diárias.
Fotografias contidas em potes industriais. As imagens dialogam com os potes. As séries em diferentes embalagens levam a reflexão do uso x função das fotografias no nosso cotidiano. Preservar, guardar, registrar. Estas memórias armazenadas, em conserva, nos colocam diante da eterna pergunta: Esta imagem representa o quê? Nesta sociedade consumista a fotografia que devoramos também nos engole e abarrota o mundo de simulacros considerados relíquias a serem preservadas. Para quê? A imagem fotográfica nos leva a este paradoxo, duplicar o mundo. Quantas vezes serão necessárias?
Fotos em Conserva permite o armazenamento das imagens num jogo de significações, do ver e não tocar, de conter para armazenar, de ícones, clichês, que se armazenam como perguntas, como uma preciosidade que está ali não para ser vivida e sim observada. Sem que se toque, criando ilusões, um novo mundo de simulações. Mundos contidos em si, como o ser individualista contemporâneo que se fecha em seu mundo hermético, sem novas relações possíveis.




2 comentários:

Kazeredo disse...

Nossa Fer....que lindeza!!!!!!!!!Eu amo estas garrafinhas!!!!!!!

Ivan Hegenberg disse...

Encontrei hoje este blog. Gostei dos desenhos, mas o que me impressionou mesmo foram essas fotos engarrafadas.

Quem ia gostar muito é o Eder Chiodeto... Você já mostrou pra ele?

Se quiser me escrever: ivan_hegen@yahoo.com.br